BUSSACO – Jovens ajudam a controlar invasoras na Mata

0
1


O Programa “Acções para a Sustentabilidade Florestal – Manter a Mata do Buçaco Sustentável, combater as invasoras lenhosas”, promovido pelo Instituto Português da Juventude, e ao qual a Fundação Mata do Buçaco se candidatou, como parceira da OFA – Organização Florestal Atlantis, está já a decorrer com a participação de nove jovens, naquela Mata Nacional.

Assim, desde o passado dia 16 e até ao próximo dia 31, a Mata Nacional do Buçaco conta com a colaboração de jovens voluntários, com idades compreendidas entre os 18 e 30 anos, que têm como principais funções combater eficazmente as invasoras lenhosas.
Depois do controlo na zona da Encosta do Sol, os voluntários estão agora no Pinhal de Marquês, uma área com forte invasão de várias espécies exóticas, com carácter invasor.
Os jovens têm desenvolvido um trabalho notório e fulcral, com o auxílio dos colaboradores da Fundação Mata do Buçaco, demonstrando também bastante vontade em desempenhar as suas funções, já que identificaram rapidamente as espécies a remover.
Para além do controlo de invasoras, este programa pretende, também, sensibilizar a população para as potencialidades da floresta e para a necessidade de garantir a sustentabilidade da mesma, demonstrando ao público em geral acções necessárias para um eficaz combate às invasoras lenhosas.
Envolver os jovens na preservação da natureza e ambiente, fomentando especificamente acções concretas de salvaguarda de habitats de elevado valor de conservação e promover o desenvolvimento pessoal e social dos voluntários, fomentando o trabalho em grupo e em contacto directo com a natureza, são outros dos objectivos do projecto.
Recorde-se que aos voluntários é garantida, pelo IPJ, uma bolsa de 10 euros por dia. Todo o material necessário para realizar, adequadamente, o controlo das invasoras, é fornecido pela entidade promotora e parceira.