Um novo desafio…

0
5
Depois de uma demorada refleção, e seguindo o apelo de muitos militantes e independentes simpatizantes do Partido Social Democrata, tomei a decisão de me candidatar à presidência da Comissão Política Concelhia do PSD de Penacova. Não fui indiferente à vontade manifestada por muitos,  para que se inicie rapidamente um novo ciclo da vida do partido em Penacova.

Sei bem da vontade que vai despontando para que o PSD de Penacova construa uma estratégia credível e forte para promover o desenvolvimento do nosso Concelho.

Quem me conhece sabe bem da dificuldade que tive em aceitar este desafio, desde logo pela forma com que olho para a política. Sempre a  entendi como um espaço fundamental de intervenção cívica, mas também sempre a olhei com uma visão muito cética relativamente à forma como os partidos atualmente a desenvolvem. É um facto que tenho criticado aberta e publicamente a forma como os partidos se têm fechado à sociedade, actuando como meras “maquinas” para a obtenção do poder e que isso me tem, de certo modo, esmorecido a vontade de assumir posições mais dianteiras. Mas entendo que, no momento actual do nosso Concelho, se impõe a necessidade de construir uma alternativa, que se alicerce numa visão clara do que se pretende para o futuro da nossa terra e que se dirija à construção de uma estratégia de desenvolvimento assente nos valiosos recursos naturais, culturas e até infraestruturais que temos, criando o ambiente de inovação necessário para que o nosso Concelho desponte como diferenciador. Um concelho como o nosso, com marcas identitárias tão fortes e elementos humanos e naturais tão distintos, não se compadece com a mera imitação do que é feito em todo o lado. A nossa terra merece mais do que a mera construção de noticias de jornais!

É uma grande motivação avançar para este projecto, sabendo que tem o suporte humano de pessoas que nada precisam de retirar do partido, porque têm vida além da política, em percursos pessoais e profissionais reconhecidamente meritórios .

É com orgulho que vejo uma vontade enorme de unidade em prol de um objectivo comum, com envolvimento, inclusive, de pessoas que nunca participaram e outros que, por motivos vários, tinham preferido afastar-se.

Agradeço o incentivo e apoio dado pelos Vereadores e Presidentes de Junta de Freguesia eleitos pelo PSD, além do apoio sempre entusiasta do Deputado Maurício Marques.

Não vejo esta minha participação senão como uma forma de exercer um dever de cidadania, comprometendo-me com uma nova forma de participação política, centrada na abertura do Partido a todos aqueles que queiram contribuir para um futuro melhor para nós e para os nossos filhos. Vamos criar espaços de interação com a sociedade, ensaiando um novo papel para um partido político, não como uma estrutura de militantes dirigida à conquista do poder, mas como um espaço de dinamização da sociedade para a criação das melhores soluções de desenvolvimento para a comunidade. Não é um caminho fácil, eu sei, mas não me perdoo-o se não tentar!



Mauro Carpinteiro