INVESTIMENTO – Mais um passo no caminho da energia eólica em Penacova

0
1
Foi ontem assinado entre a EDP Renováveis e Conselho Diretivo dos Baldios do Casal, Casalito e Chã o contrato de exploração de terrenos situados em Penacova com vista à produção eólica de energia elétrica. Será implementado um ou mais parques eólicos constituídos por um conjunto de aerogeradores, subestação, vias de circulação, esteiras de cabos, entre outras estruturas inerentes ao funcionamento dos equipamentos.

Os compartes dos Baldios do Casal, Casalito e Chã são, desde tempos imemoriais, possuidores de diversos terrenos baldios. Estes terrenos não possuem aptidões agrícolas, sendo a produção eólica um fator de desenvolvimento económico para esta região. “Uma das condições prevista neste contrato  é a ausência de impactes ambientais negativos significativos”, conforme assegurou o presidente do município de Penacova, Humberto Oliveira, que tem acompanhado este processo e se tem empenhado na introdução de energias limpas no concelho.

A contrapartida financeira paga pela EDP Renováveis aos compartes dos Baldios é composta por uma renda anual e ainda por um pagamento adicional por cada megawatt instalado. Os compartes dos Baldios do Casal, Casalito e Chã mantêm o direito de pastoreio, de corte de matos e de efetuar outras culturas herbáceas.

Recorde-se que, no passado dia 14 de Setembro, o município de Penacova assinou um protocolo com a EDP Renováveis para se iniciar a fase de estudos tendente ao licenciamento da instalação do parque eólico nos cumes da Serra da Atalhada, no concelho de Penacova.