Bussaco com Arte – Crafts em Português – Cerca de 3.500 visitantes passaram pela Mata Nacional do Buçaco

0
2

O aumento do número de visitantes em relação ao ano de 2011
comprovou o êxito da iniciativa “Bussaco com Arte – Crafts em Português”, na
Mata Nacional do Buçaco. O evento, que terminou ontem, 16 de setembro, atraiu
cerca de 3.500 pessoas, mais mil que no ano passado.
A Mata Nacional do
Buçaco recebeu pela segunda vez a iniciativa “Bussaco com Arte – Crafts em
Português”, até agora denominada “Elementos à Solta no Buçaco”. O aumento da
afluência de público (em 2011 atraiu 2.600 pessoas) confirma o êxito da
iniciativa, que regressará em 2013.
O
encontro de artes, que nasceu numa aldeia de xisto recuperada na Serra da
Lousã, e que se realizou pela segunda vez nos jardins do Palace Hotel do
Buçaco, proporcionou aos visitantes o contacto com a arte em plena natureza.

Além de
terem apreciado peças artísticas, integradas num espaço natural, o público foi
também convidados a apreciar a produção de alguns produtos, já que vários
artistas trabalhavam no local.
O aumento do número de visitantes em relação ao ano
de 2011 comprovou o êxito da iniciativa “Bussaco com Arte – Crafts em
Português”, na Mata Nacional do Buçaco. O evento, que terminou ontem, 16 de
setembro, atraiu cerca de 3.500 pessoas, mais mil que no ano passado.
A Mata Nacional do Buçaco recebeu pela segunda vez
a iniciativa “Bussaco com Arte – Crafts em Português”, até agora denominada
“Elementos à Solta no Buçaco”. O aumento da afluência de público (em 2011
atraiu 2.600 pessoas) confirma o êxito da iniciativa, que regressará em 2013.

O encontro de artes, que nasceu numa
aldeia de xisto recuperada na Serra da Lousã, e que se realizou pela segunda
vez nos jardins do Palace Hotel do Buçaco, proporcionou aos visitantes o
contacto com a arte em 
plena natureza.

Além
de terem apreciado peças artísticas, integradas num espaço natural, o público
foi também convidados a apreciar a produção de alguns produtos, já que vários
artistas trabalhavam no local.
O enquadramento dos trabalhos de
arte contemporânea, da responsabilidade dos cerca de 15 artistas presentes, num
ambiente natural não passou despercebido. A temperatura alta, que se fez sentir
durante os últimos dias, o sol a brilhar, os lagos e as pérgulas tornaram o
cenário perfeito para um passeio de fim de semana, em jeito de despedida do
verão.
O
ambiente mágico, que tão bem caracteriza a Mata Nacional do Buçaco,
evidenciou-se com o encontro de artes que atraiu diversos tipos de públicos,
desde os mais novos aos mais velhos.
O sucesso da segunda edição do “Bussaco com Arte –
Crafts em Português”, na Mata Nacional do Buçaco, faz com que a iniciativa se
volte a repetir para o próximo ano. No entanto, antes da sua realização na Mata
Nacional do Buçaco, regressará à aldeia de xisto, em Cerdeira, na Serra da
Lousã, em meados de Julho, onde foi criada pela mentora do projecto: Kerstin
Thomas, que se dedica à escultura em madeira.

Para além de Kerstin Thomas, estiveram ainda
presentes vários artistas de diversas nacionalidades, radicados neste momento
em Portugal: Projecto A2 (cerâmica), Miguel Neto (cerâmica), Vasco Baltazar
(cerâmica), António Fernandes (cerâmica), Idálio Dias (madeira e pedra),
Bárbara Faber (feltro), Mónica Favério (vidro), Kerstin Thomas.

Fundação Mata do
Buçaco | Mata Nacional do Buçaco 3050-261 Luso | Telf: 231 937 000
| comunicacao@fmb.pt | www.fmb.pt