ENCONTRO – Natureza e património de mãos dadas em Lorvão

0
3
Visita aos moinhos, almoço, conferência e concerto fazem parte da “ementa” de um dia diferente. O encontro está marcado para amanhã.



A organização junta a Orquestra
Clássica do Centro, a Fundação Portuguesa de Cardiologia (Delegação Centro), a Câmara
de Penacova e a Junta de Freguesia de Lorvão e promete uma jornada diferente, num
“Encontro com a natureza e o património”. O Lorvão foi o destino escolhido deste
roteiro, a realizar amanhã, que começa no Mosteiro de Celas, em Coimbra, e
termina ao final da tarde, no Mosteiro de Lorvão, ao som dos acordes da
Orquestra Clássica do Centro.

O programa tem início às 10h30 e
leva os participantes, de autocarro, rumo aos moinhos do Roxo, onde se efectua uma
caminhada até à Aveleira, para abrir o apetite. O restante percurso, em
direcção ao Lorvão, é cumprido de autocarro e o almoço é servido no Forno Comunitário
de Lorvão. A ementa promete ser saudável, com sopa tradicional e broa recheada,
quente, não faltando os doces conventuais.

Com o estômago aconchegado, os
participantes nesta jornada partem à descoberta de um novo desafio, nos claustros
do Mosteiro do Lorvão, onde se realiza a conferência “O turismo cultural como factor
de desenvolvimento regional”. A iniciativa conta com as intervenções de Pedro
Machado, presidente da Turismo Centro de Portugal, Celeste Amaro, delegada
regional da Cultural do Centro, Humberto Oliveira, presidente da Câmara de
Penacova, Mauro Carpinteiro, presidente da Junta de Freguesia de Lorvão e de
Emília Martins, da Orquestra Clássica do Centro.

O evento marca o arranque de um
ciclo de iniciativas “Cuida da Saúde – Por nós e por aqueles que gostam de nós”,
promovido pela Orquestra Clássica do Centro (OCC) e pela Fundação Portuguesa de
Cardiologia – Delegação do Centro, a desenvolver em Maio e Junho. O programa
inclui conversas com vários convidados, ginástica para pais e filhos e acções
no Museu da Água, em Coimbra, culminando com a actuação de um grupo de câmara
da OCC.

Um “abraço” entre a saúde, as
artes musicais e a descoberta do património cultural e natural, que termina,
nesta primeira edição, amanhã no Mosteiro do Lorvão, com um concerto da
Orquestra Clássica do Centro, dirigida pelo maestro David Wyn Lloyd. Pulcell,
Elgar e Mendelssohn alimentam este roteiro musical.
Os interessados em participar
podem inscrever-se junto da Orquestra Clássica do Centro (ooc@orquestraclassicadocento.org,
telm 916994160).