Programa Mais Centro apoia criação de 67 novos postos de trabalho na região

0
0

O programa Mais
Centro aprovou 56 projetos de investimento de microempresas do interior da
região Centro, que vão criar “67 novos postos de trabalho”, anunciou
a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC).

Segundo a CCDRC, os
projetos de investimento, aprovados no âmbito do Programa Valorizar, através do
SIALM – Sistema de Incentivos de Apoio Local a Microempresas, envolvem um
incentivo total de 896 mil euros.

“A terceira
fase de candidaturas, que encerrou no passado dia 05 de agosto, contemplou um
investimento elegível de 447.464,97 euros, a que corresponde um incentivo total
de 896.957,88 euros e a criação de 67 postos de trabalho, apoiados com um
incentivo financeiro de 673.225,34 euros”, refere a fonte em comunicado.

Dos 59
concelhos elegíveis, foram aprovadas candidaturas em ambas as fases, situadas
em 37 concelhos da região Centro.
Abrantes,
Aguiar da Beira, Arganil, Belmonte, Carregal do Sal, Castelo Branco, Castro
Daire, Celorico da Beira, Covilhã, Fundão, Góis, Gouveia, Guarda, Lousã,
Mangualde, Manteigas, Miranda do Corvo, Mortágua, Nelas, Oliveira do Hospital,
Penacova, Penamacor, Penela, Pinhel, Proença-a-Nova, Sabugal, Santa Comba Dão,
São Pedro do Sul, Sátão, Seia, Sertã, Sever do Vouga, Tondela, Trancoso, Vila
Nova de Paiva, Vila Nova de Poiares e Viseu foram os municípios contemplados.
“No
seu conjunto acumulado, o SIALM viabiliza assim a concretização de 138 projetos
de investimento”, geradores de 176 postos de trabalho, “através de
uma afetação de fundos comunitários cifrada em cerca de 2,3 milhões de
euros”, salienta a CCDRC na mesma nota. Neste momento está aberta a quarta
fase de apresentação de candidaturas ao SIALM, conclui.
Fonte
Lusa