LAMPREIA à mesa

0
7

Ou se gosta ou se detesta. Para os primeiros, abriu
oficialmente, a época da lampreia no concelho de Penacova. Para os outros, o concelho
tem alternativas gastronómicas que não se ficam atrás e que contribuem para a
promoção do município.

Mas é da lampreia que se trata e este período,
que se prolongará até final de abril, oferece aos visitantes e apreciadores
deste prato o Festival da Lampreia, que terá lugar entre 21 e 23 de fevereiro
em 12 restaurantes aderentes.
Sem dúvidas para ninguém, a lampreia é um dos pratos
que mais longe tem levado o nome de Penacova. Uma promoção assumida pelo
município ao longo dos anos e pela confraria. Uma entidade que tem como
objetivo primordial a defesa e promoção da gastronomia tradicional portuguesa e
em particular a gastronomia do concelho, onde se destaca a Lampreia à moda de
Penacova.
Mas, à semelhança de outros municípios, nem só a lampreia
se destaca da gastronomia tradicional local. Arroz de Míscaros; os peixes do
Rio; a chanfana ou o arroz malandro de galinha velha ou coelho integram uma
ementa rica que ajuda o concelho a promover-se fora de portas cativando visitantes
que aproveitam para visitar o património e usufruir as riquezas naturais que
abundam em Penacova. E
porque uma boa ementa não se afirma sem sobremesas, há que destacar os doces
conventuais que são, para quem já os saboreou, iguarias muito apetecidas e de
comer e chorar por mais. | Eduarda Macário

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui