O PRESIDENTE NA MINHA FREGUESIA – Freguesia de Carvalho

0
3
Acção “Presidente na minha freguesia”
arrancou no Carvalho e tem como objectivo fazer levantamento das necessidades
da populações


O aproveitamento de caminhos florestais numa
dinâmica de aposta do turismo de natureza será uma prioridade da “Presidente na
minha freguesia”, iniciativa que a Câmara Municipal de Penacova colocou em
marcha e que tem como objectivo “tomar o pulso” às freguesias do concelho, no
sentido de fazer um levantamento das principais necessidades de cada localidade
para, posteriormente, «planear as intervenções a executar».
“Presidente na minha freguesia” é, acima de tudo,
«uma política de maior aproximação do presidente da Câmara junto das
populações, para se inteirar dos problemas mais básicos das pessoas que, por
vezes, escapam pela agitação do dia-a-dia», referiu Humberto Oliveira.
O edil de Penacova adiantou que este tipo de acções
«permite um conhecimento mais pormenorizado de cada local», transmitindo ao
mesmo tempo «que o poder local serve as populações e está atento às questões
mais prementes».
«A nossa principal preocupação vai centrar-se nos
caminhos florestais, com a finalidade de elaborarmos um plano de dinamização do
turismo de natureza», frisou o autarca.
A partir de agora, a Câmara de Penacova dedicará um
mês a cada uma das oito freguesias, sendo que as visitas vão acontecer às
segundas-feiras.
O périplo do executivo arrancou no Carvalho, com Humberto
Oliveira a dedicar-se ao associativismo local. O edil de Penacova reuniu-se, na
sede da Junta de Freguesia com as associações sedeadas no localidade, o que
permitiu esclarecer as «colectividades relativamente à tipologia de apoios que
são disponibilizados pela autarquia para uma melhor prossecução do seu trabalho
junto das populações». Na próxima segunda, Humberto Oliveira regressará ao
Carvalho (entre as 9h00 e as 12h00) para uma manhã de atendimento aos
munícipes, privilegiando os que habitam ou trabalham na freguesia.
Na última visita a esta localidade (dia 24), o edil
tomará conhecimento da actividade económica dominante na freguesia, silvicultura,
numa localidade marcada por pequenas explorações agrícolas de tipologia familiar.
As segundas-feiras do mês de Março serão dedicadas
pelo autarca à freguesia de Figueira de Lorvão.

Jornalista Ricardo Busano