ÁGUAS DO MONDEGO apresenta Plano de Segurança da Água

0
2

  

São cerca de 300 mil os habitantes dos
12 municípios servidos pela Águas do Mondego, empresa que apresentou ontem em Coimbra
o seu Plano de Segurança da Água (PSA).
A iniciativa dirigiu-se aos
accionistas da empresa e partes interessadas que com ela trabalham diariamente
e visa fornecer água em qualidade e quantidade às populações dos municípios de
Ansião, Arganil, Coimbra, Condeixa, Góis, Penacova, Penela, Leiria, Lousã, Miranda
do Corvo, Mealhada e Vila Nova de Poiares.
Conforme explicou o presidente da
Câmara Municipal de Penacova, aquele plano permite identificar as boas práticas
operacionais e medidas preventivas a implementar com base na identificação de
perigos e eventos perigosos e análise de riscos de forma a garantir a protecção
da saúde dos consumidores.
Humberto Oliveira, que substituiu
Nelson Geada, da Águas do Mondego (ausente em Lisboa), falou aos jornalistas antes
do início dos trabalhos, que decorreram nas instalações da empresa Águas do Mondego,
na Boavista.
Segundo o autarca de Penacova, o plano
já existia mas faltava a sua sistematização em documento.

A Águas do Mondego iniciou o processo
de desenvolvimento do PSA em 2012 e apresentou-o ontem, por ocasião do Dia
Nacional da Água. O PSA aplica-se a todo o Sistema Multimunicipal de
Abastecimento de Água, desde a captação, tratamento e distribuição às entidades
gestoras (câmaras municipais, Águas de Coimbra e SMAS de Leiria).
A Águas do Mondego é a quinta empresa
do grupo Águas de Portugal, num total de 20 empresas, a implementar o seu PSA.
A Águas do Noroeste, Águas do Douro e Paiva, Águas do Algarve e EPAL já possuem
o seu plano.
Esta nova abordagem surgiu da
constatação de que qualquer acontecimento que possa constituir um risco para a saúde
pública pode ocorrer em qualquer ponto do processo de fornecimento de água às
populações, seja na captação, tratamento ou distribuição, pelo que uma
metodologia integrada, que englobe todas aquelas etapas, permitirá uma gestão mais
eficaz da segurança, quantitativa e qualitativa, do abastecimento.| J.J.R.