BOMBEIROS – Rafael vence concurso para logótipo do 42 Congresso da Liga

0
3
O bombeiro
de 2.ª dos Voluntários de Penacova, Nuno Rafael Costa e Silva, foi o vencedor do
concurso aberto para a criação do logótipo identificativo de 42º Congresso
Naciona do 42.º Congresso Nacional da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP). A
iniciativa em lançar o concurso foi conjunta, da LBP, da Federação de Bombeiros
do Distrito de Coimbra e das associações e corpos de bombeiros suas integrantes
para a criação de um logótipo “que identifique, não apenas o Congresso,
mas também a cidade capital do distrito e seja assumido pelos seus bombeiros”.
O
trabalho do Nuno Rafael foi o escolhido pelo júri, entre as 5 candidaturas
apresentadas.
“Desde
novo que o voluntariado está presente na minha vida, pelo facto de muitas das
brincadeiras de criança terem sido sobre bombeiros mas também incentivado por
um vizinho e mais tarde pelo facto de trabalhar junto ao quartel” explicou-nos
aquele bombeiro sublinhando que “estas circunstâncias levaram-me a entrar
como voluntário no ano de 2000 ao completar os 18 anos”.
Criativo
e empresário ligado às artes gráficas, o bombeiro dos Bombeiros Voluntários de
Penacova adianta que desde o seu ingresso “tenho cumprido, fazendo muito
esforço para conciliar a minha atividade profissional com as responsabilidades
inerentes à participação no Corpo de Bombeiros, quer ao nível do cumprimento
dos serviços de escala, no mínimo quatro noites por mês e fins de semana, quer
ao nível do socorro e da formação, esta também cada vez mais necessária e
simultaneamente cada vez mais exigente”.
Nuno
Rafael não tinha antecedentes familiares ligados aos bombeiros mas adianta que
depois do meu ingresso, isso sim, já outros familiares meus entraram também,
certamente motivados pela minha presença”.
Nuno
Rafael explicou-nos as razões que o levaram a participar no concurso para o logótipo,
“principalmente por ser um desafio à minha criatividade numa área a que
estou intimamente ligado, por fazer parte da minha atividade profissional e,
naturalmente, o próprio incentivo do nosso comandante, muito importante para a
minha tomada de decisão”.
“Fiquei,
aliás, muito contente por ter contribuído desta forma simples, para dignificar o
42º Congresso da Liga dos Bombeiros Portugueses, mas também para dignificar a
Associação e o Corpo dos Bombeiros Voluntários de Penacova a que me orgulho muito
de pertencer” sublinha Nuno Rafael Costa e Silva.

A
propósito, dedica este “momento ao meu comandante, que me incentivou e a
todos os meus Colegas, que no dia a dia partilham as mesmas dificuldades na
prestação de um socorro profissional e de qualidade”.
“Oxalá
que as conclusões do Congresso, para o qual modestamente contribuí, e as
decisões dos nossos dirigentes e governantes sejam sempre orientadas para o bem
estar dos Bombeiros, mas sobretudo para a população que honradamente servimos”,
sublinha
o artista gráfico.
Questionado
sobre o sentido da sua proposta, Nuno Rafael explica que “procurei
naturalmente adaptar o meu trabalho às exigências do próprio concurso e transportar
para o logótipo aquilo que são as permanentes motivações dos colegas do meu
corpo de bombeiros e dos bombeiros em geral”.
No
logótipo surge a cor azul de fundo. Nuno Rafael explica que “a cor azul
que estimula a criatividade e ao mesmo tempo significa tranquilidade, serenidade
e harmonia, tudo aquilo que os Bombeiros mais precisam nos difíceis momentos
que antecedem a tomada de decisão.
Mas
este fundo azul representa também a cor dos rotativos das viaturas dos
bombeiros, como símbolo da emergência”.
“Representando
as diversas valências dos bombeiros e sua atitude sempre presente na sociedade,
decidi colocar um bombeiro a abraçar/proteger Portugal pois essa é a forma como
a população vê os Bombeiros sempre protetores”, explicou o Nuno Rafael,
adiantando que,” de uma forma linear o logótipo faz também uma alusão a
Coimbra e à sua universidade como património Mundial da Unesco”.
Originalmente
publicado em Jornal da Liga dos Bombeiros Portugueses