FUTEBOL – União FC venceu e mantém trono na Honra AFC

0
2
Um “bis” de Reinaldo e o tento do
inevitável Pedro Pimpão, nos descontos, diante do Tocha fizeram com que o União
FC, Penacova, voltasse às vitórias e conservasse o trono na Divisão de Honra da AFC. Mas a
distância já foi maior. O Penelense está numa de “ameaças”, já vai com oito
jogos seguidos a vencer, e goleou o Febres em casa (4-0) colocando-se a um
ponto do topo e como constante ameaça à liderança unionista.
O Carapinheirense “escorregou” no
reduto do Ançã, foi derrotado por 3-2, e a Académica/ SF aproveitou para, com a
lição bem estudada, “atropelar” o Cova-Gala com cinco golos sem resposta e ascender
ao 3.º posto da competição. Já os academistas do OAF não conseguiram aproveitar
o deslize alheio e, em Condeixa, não foram além de um empate a duas bolas com
os locais.
Numa jornada (14.ª) em que se marcaram
34 tentos, o Eirense foi “dono e senhor” no Vale do Fôjo ao derrotar o Touring
por expressivos 6-0. Uma das cinco goleadas da ronda foi obtida pelo Vigor diante
do Pampilhosense (0- 4). O Arganil conseguiu o segundo triunfo diante do Lag. Beira
(1-2).

1ª Divisão – Inseparavéis no topo

“Inimigos” em
campo. À espera do erro, do falhanço, um do outro e um para o outro. À espera
do encontro final. Poiares de um lado e Águias do outro, eles não descolam na
liderança da 1.ª Divisão AFC e nesta 14.ª ronda da competição conseguiram o mesmo
resultado, em casa, de 2-1 diante de Lousanense e Ac. Gândaras,
respectivamente.
Logo atrás, atento e sorrateiro, está
o Góis que conseguiu superar o Sepins com o resultado de 3-1 e está a 4 pontos dos
dois líderes (27 para 31). O Vinha da Rainha, também um clássico perseguidor do
topo, saiu cabisbaixo do Campo de Mualdes, casa do Brasfemes, pois perdeu por
2-1 e viu o 3.ºposto fugir para as mãos do Góis.
Onde não faltaram golos foi no Campo
da Cheira, reduto do Mocidade, onde os locais deram excelente réplica perante o
Moinhos, 5.º classificado, mas acabaram por sucumbir com os visitantes a
conseguirem o triunfo por 3-4.


O S. Silvestre recebeu o Adémia em
jogo onde estava em causa o 7.º lugar da tabela e foi mais forte, impondo uma
derrota aos ademienses por 2-0. Na Ribeira de Frades, os “leões” locais
continuaram a senda negativa e perderam com o Marialvas por 0-3, continuando sem
qualquer triunfo na competição.

Em Pereira, a equipa anfitriã foi mais
forte diante do S. Mamede (2-1) e distanciou-se da dupla que está na cauda da
tabela classificativa.

Jornalista – André Freixo