REGIÃO CENTRO – Acordo de Parceria para o Desenvolvimento Rural

0
2


Apesar do
entusiasmo com que foi anunciado, o processo de transição para o novo período
de programação de fundos comunitários está a colocar em risco o trabalho de
desenvolvimento rural que tem sido realizado com sucesso pelas Associações de
Desenvolvimento Local (ADL), e que só no último período de programação resultou
na criação de 2700 empregos na Região Centro, mobilizando o investimento de 264
milhões de euros nas zonas rurais.

Atendendo à
importância de dar continuidade aos processos de desenvolvimento em curso, as 19
ADL da Região Centro que gerem o LEADER estão a preparar a assinatura de um
acordo de parceria entre elas, organizando-se regionalmente na defesa de um
modelo de intervenção que tem dados excelentes resultados.

De acordo com
Regina Lopes, Presidente da Minha Terra – Federação Portuguesa de Associações
de Desenvolvimento Local, «a assinatura deste acordo visa também evitar
os riscos de atrasos no apoio aos projetos nos territórios rurais numa fase tão
crítica para o país
».
Pretende ainda, acrescenta, «contribuir para minimizar os
impactos negativos do atraso do concurso para a apresentação de estratégias de
Desenvolvimento Local de Base Comunitária, que podem colocar em causa dinâmicas
em curso e a continuidade do trabalho destas associações com experiência
consolidada na gestão de fundos para o desenvolvimento rural (designadamente, o
LEADER), perdendo-se o património de experiência e implantação no terreno que
em muitos casos levou 20 anos a construir
»
.

O acordo de
parceria regional prevê a criação de uma Comissão Regional de Acompanhamento
que funcione como Observatório de Desenvolvimento Local da Região Centro,
juntando as Associações de Desenvolvimento Local, as Autoridades de Gestão dos
fundos nacionais e do Centro 2020, as Comunidades Intermunicipais e os
principais parceiros estratégicos da região.

O acordo de
parceria das ADL da Região Centro será formalizado nos próximos dias, estando
as ADL das restantes regiões do país a ultimar a preparação das suas ações
concertadas.

A Federação Minha Terra é uma entidade privada de
interesse público sem fins lucrativos, que agrega e representa 53 Associações
de Desenvolvimento Local de todo o país, que gerem o LEADER de forma
descentralizada, e dinamiza uma plataforma de cooperação alargada, no domínio
das intervenções promotoras de um desenvolvimento integrado, conducente à
melhoria de qualidade de vida no espaço rural português.


ADL da Região Centro
ADAEAssociação de
Desenvolvimento da Alta Estremadura
ADDAssociação de
Desenvolvimento do Dão
ADDLAPAssociação de
Desenvolvimento do Dão, Lafões e Alto Paiva
AD ELOAssociação de Desenvolvimento
Local da Bairrada e Mondego
ADERESAssociação de
Desenvolvimento Rural Estrela-Sul
ADIBER– Associação de Desenvolvimento Integrado da Beira Serra
ADICES
Associação de Desenvolvimento Local
ADIRNAssociação para o
Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Norte
ADRACESAssociação para o Desenvolvimento
da Raia Centro-Sul
ADRIMAGAssociação de
Desenvolvimento Rural Integrado das Serras do Montemuro Arada e Gralheira
ADRUSEAssociação de Desenvolvimento
Rural da Serra da Estrela
DUECEIRA– Associação de Desenvolvimento do Ceira e Dueça
LEADER OESTEAssociação para o
Desenvolvimento e Promoção Rural do Oeste
PINHAL MAIORAssociação de
Desenvolvimento do Pinhal Interior Sul
PRÓ RAIAAssociação de
Desenvolvimento Integrado da Raia Centro Norte
RAIA
HISTÓRICA
Associação de Desenvolvimento do Nordeste da Beira
RUDEAssociação de
Desenvolvimento Rural
TAGUSAssociação para o
Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior
TERRAS DE
SICÓ
Associação de
Desenvolvimento