DIVISÃO DE HONRA União vence em Ançã e sobe à primeira posição

0
1

A partida iniciou-se de
forma rápida por parte dos unionistas que, logo no início, criaram
uma oportunidade por intermédio de Ruben.
Por sua vez, o Ançã
soube organizar-se e equilibrou o jogo com o perigo a rondar as redes
forasteiras. Aos poucos, os unionistas subiram para a zona
intermediária dos locais mas sem grandes problemas para a defensiva
local.

Na segunda parte, os
penacovenses entraram determinados a aproveitar a falta de pontaria
dos anfitriões e começaram a procurar o golo que surgiu aos 47’
num pontapé do meio da rua de Batista premiado com um erro de Carlos
Fernandes que não ficou isento de culpas. Motivados pelo tento, os
unionistas forçaram algumas vezes os locais a defender bem e a
permanecer concentrados. O Ançã em jogo organizado procurava fazer
a igualdade, com o União FC a defender o resultado com “unhas e
dentes” e a não dar veleidades ao adversário.

Nos minutos finais, os
unionistas susteram a pressão continua dos ançanenses e o marcador
não mais mexeu. O encontro chegou ao fim com o triunfo dos
visitantes que foi quem marcou, mas quanto a nós a igualdade parecia
ser o resultado mais justo. Arbitragem positiva.| António Parreiral

Comentário de André Freixo 

Na dança de líderes da
Divisão de Honra, há agora uns estudantes que, vestindo de gala a
Secção de Futebol, venceram no reduto do Eirense por 0-1 e
ascenderam ao topo do principal escalão do futebol distrital. Para
isso, contaram com a prestação da outra Académica, o OAF, que
soube torcer em plena “casa” um Penelense que vinha de cinco
vitórias consecutivas, com o resultado de 0-3.

Também em boa forma
surge o União FC, que é a equipa que mais vantagens mínimas soma
na competi- ção, que derrotou o Ançã por 0-1 e se encontra em
igualdade pontual com os estudantes no cume da tabela classificativa.
O Febres, com menos um desafio que os restantes, triunfou diante do
Tocha por 2-0 e é seguido pelo Carapinheirense que derrotou o
Cova-Gala por 4- 1 em desafio com cinco penáltis.

O Pampilhosense mostrou
credenciais em casa ao golear o Lag. Beira por 3-0 e fixando-se no
5.º posto. O Vigor foi feliz, após cinco jogos sem vencer, em
Condeixa ao derrotar os locais por 1-2 enquanto o Touring venceu, em
Mira, o Arganil por 2.



CLASSIFICAÇÃO