LORVÃO – Mosteiro recebe grande colóquio Internacional

0
4

O município de Penacova, em parceria com a Associação Pró-Defesa do
Mosteiro de Lorvão, promove, no âmbito das Comemorações dos 300 anos da
Trasladação das Santas Rainhas Teresa e Sancha, e do Dia Internacional dos
Monumentos e Sítios, o Colóquio Internacional “Lorvão: Memória e Tradição”.

Tendo como objetivo, nas palavras de Fernanda Veiga, Vereadora da Cultura
do município, “sensibilizar os cidadãos para a importância do património na
nossa sociedade, o tema do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios –
“Conhecer, Explorar, Partilhar” – chama  a atenção para a necessidade de
conhecermos o Património e a sua potencialidade enquanto recurso vital para um
desenvolvimento harmonioso, bem como para a imprescindibilidade de o
partilharmos, entendendo-o como legado e possibilidade de futuro.

É neste âmbito e, tendo como, premissa base a importância do
conhecimento, para melhor explorar a potencialidade dos recursos patrimoniais
na sociedade contemporânea, partilhando ideias, saberes, perspetivas,
preservando a identidade local e a ligação profunda às comunidades, que nos
dias 17 e 18 de abril, o município de Penacova comemora o seu Património, com
um programa dirigido a todos os públicos e que terá como, expoente, o Colóquio
Internacional “Lorvão: Memória e Tradição”, que terá lugar pelas 14H30, do dia
17 de abril, no Mosteiro de Lorvão”.

O colóquio, cuja sessão de abertura será presidida pelo Presidente do
município de Penacova, Humberto Oliveira, conta, na sua Sessão de Abertura, com
a presença de representantes da Junta de Freguesia de Lorvão, da Direção
Regional da Cultura do Centro, da Consejeria de la Cultura da Junta de Castilla
y Léon, do Ayuntamiento de Cabezón de Pisuerga, da Associação Pró-Defesa do
Mosteiro de Lorvão, será moderado pelo Prof. Doutor Luís Reis Torgal, tendo
como intervenientes: Arq. Fábio Nogueira, “A Evolução do Mosteiro e o
Condicionalismo que impôs ao lugar de Lorvão”; Mestre Paula Silva, “Cultura e
Património Imaterial de Lorvão”; Prof. Doutor Humberto Figueiredo, “O
Património, as Comunidades e o Desenvolvimento”; D. Victor Pesquera, “A
História do Mosteiro de Santa Maria de Palazuelos”. Às comunicações dos
palestrantres seguir-se-á, um momento para debate, após o que será realizada
uma visita guiada ao Mosteiro de Lorvão e sua envolvente.

Ainda no dia 17 de abril, e logo pela manhã, o Projeto PENANIMA, realizará
uma recriação histórica no Pátio do Mosteiro de Lorvão, dirigida ao público
infantil e, à noite, pelas 21H30, a Igreja do Mosteiro de Lorvão será palco,
pelas 21H30, de um Concerto realizado em parceria pela Escola de Artes de
Penacova e o Conservatório de Música de Coimbra, com a apresentação das classes
do Prof. Rodrigo Carvalho e das Profs. Joaquina Ly e Maria José Nogueira,
respetivamente. A segunda parte do concerto estará a cargo dos Profs. Rodrigo Carvalho
e Júlio Dias.

No dia 18 abril, o município promove, a partir das 09H30,  uma
Caminhada na Ribeira de Arcos, seguida de Almoço no Forno Comunitário de
Lorvão. Os interessados em participar nesta iniciativa deverão concentrar-se
pelas 09H00 em Penacova (saída dos autocarros junto ao edifício da Câmara
Municipal de Penacova) ou em Lorvão, pelas 09H15 (saída dos autocarros junto ao
Mosteiro de Lorvão).

A participação no Colóquio “Lorvão: Memória e Tradição”, bem como na
“Caminhada na Ribeira de Arcos” é de acesso gratuito.

As Comemorações dos 300 anos da Trasladação das Santas Rainhas Teresa e
Sancha decorrerão até 18 de outubro, com um conjunto de iniciativas culturais,
religiosas e gastronómicas diversificadas, organizadas em parceria entre o
Município de Penacova, a Associação Pró-Defesa do Mosteiro de Lorvão e a
Paróquia de Lorvão, contando com o apoio institucional da Junta de Freguesia de
Lorvão, Direção Regional da Cultura do Centro, Diocese de Coimbra, Grupo
Etnográfico de Lorvão, Filarmónica Boa Vontade Lorvanense e Associação
Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Penacova.