JOGOS PARALIMPÍCOS – Equipa portuguesa de boccia consegue bronze e António Marques torna-se recordista de medalhas paralímpicas

0
2


O atleta da Associação de Paralisia
Cerebral de Coimbra (APCC) António Marques e os seus colegas da Equipa BC1/BC2
de Portugal em boccia conquistaram hoje a medalha de bronze nos Jogos
Paralímpicos
, que se estão a disputar no Rio de Janeiro. Para chegar ao
pódio, Portugal teve de derrotar a equipa da Argentina (6-2), num jogo
disputado esta tarde.

Foi
o final de um percurso em que, depois de conseguido o apuramento na fase de
grupos, os jogadores portugueses afastaram os anfitriões do Brasil nos
quartos-de-final, falhando o acesso à final numa partida contra uma muito forte
Seleção japonesa. Além de Marques, integraram a Equipa BC1/BC2 Abílio
Valente, Cristina Gonçalves e Fernando Ferreira.

Esta é a sétima medalha em Jogos Paralímpicos alcançada por
António Marques na modalidade de boccia e a oitava no total da sua carreira.
 Com mais esta conquista, torna-se no atleta mundial de boccia com mais medalhas
paralímpicas
: duas de ouro, três de prata e duas de bronze, a
que se junta uma medalha de bronze no atletismo (lançamento de precisão).

António Marques, natural da localidade de Aveleira, concelho de Penacova, que é o praticante que há mais tempo compete em provas internacionais de boccia
em todo o mundo, vai agora competir no torneio individual da categoria
BC1
, com a sua primeira partida a realizar-se amanhã, pelas
17H30, contra um atleta chinês.

Oliveirinha (como é conhecido na comunidade do boccia) está a
disputar os seus sétimos Jogos Paralímpicos
: Seul 1988, Barcelona
1992, Atlanta 1996, Sydney 2000, Atenas 2004, Pequim 2008 e agora Rio de
Janeiro 2016. A
acompanhá-lo está o seu treinador de décadas, Emílio Conceição, também ele um
‘veterano’ das grandes competições internacionais: está na sua sexta
paralimpíada.

Para a APCC, os Jogos Paralímpicos
do Rio são o culminar de um grande ano desportivo, em que três atletas representaram
Portugal em grandes competições continentais de três modalidades diferentes
: além de António
Marques nos Jogos Paralímpicos e no Campeonato do Mundo, José Costa participou
no Campeonato da Europa de Natação Adaptada e Sandra Semedo na Taça do Mundo de
Tricicleta.