BATALHA DO BUÇACO – No próximo fim-de-semana Penacova regressará a 1810

0
3

Com o aproximar do fim-de-semana, aproxima-se também em Penacova
um vasto leque de atividades alusivas à época de
1810. A primeira atividade,
marcada para a noite de sexta-feira, faz referência às Invasões Francesas no
território penacovense, mais concretamente a passagem das tropas no vale do
Mondego, com um passeio épico encenado de nome “as tropas anglo-lusas
atravessam o vale do Mondego”, atividade no âmbito do projeto “Caminhos da
Batalha do Buçaco”, que promete recriar a travessia do rio Mondego por parte
dos participantes como se de verdadeiros soldados se tratassem. No final do
passeio está marcado um concerto pelo grupo “Reportório Osório” com «As mais
belas canções de amor!»
No
sábado pela manhã haverá uma prova de BTT intitulada “À descoberta do Buçaco”,
prova integrada no circuito NGPS, que realizará em Penacova mais uma grande
prova, aproveitando as excelentes condições do território de Penacova para
provas deste género. A partir das 20:00h dá se início a Noite Branca com um
Arraial Oitocentista que irá invadir a vila de Penacova, com muita animação
provocada pela energia contagiante dos “Tocá Rufar”, “Flora do Mondego”,
bombos, grupos folclóricos, gaitas de foles e mini banda. Ao longo da noite o
comércio local estará aberto com vários descontos, podendo ir até às diversas
lojas de charrete, disfrutando dos passeios de charrete que estarão disponíveis
na vila de Penacova.
No
domingo pela manhã haverá um Mercado de Sabores Oitocentista, continuando os
passeios de charrete pela vila e a animação pelo grupo Flora do Mondego ao
longo de todo o dia. A parte da tarde ficará marcada com um concerto pelo Trio
de Música de Câmara da Escola de Artes de Penacova, enquanto da parte da noite,
o ponto alto será a “Escamizada”, recriação feita pelo Rancho Folclórico de
Penacova.
A vereadora  da Cultura do Município de Penacova, Fernanda
Veiga sublinha que “a importância do passado não pode ser esquecida e há que
aproveitar isso para trazer ao presente a os feitos alcançados, a sua história
e cultura, mantendo assim uma preservação da memória do que de importante
aconteceu em Penacova, neste caso relativa ao ano de 1810, época da 3ª Invasão
Francesa que deixou diversas marcos históricos no nosso território”.
 Realça ainda que a Noite Branca de Penacova “é uma
forma de ajudar o comércio local, dinamizando as ruas e espaços comuns de
maneira a que se crie um ambiente acolhedor e agradável em que as pessoas saiam
à rua e façam compras em Penacova
”.
Esta
é uma iniciativa do Município de Penacova que contará com o apoio do Comércio
Local de Penacova, do Exército Português, da Guarda Nacional Republicana, dos
Bombeiros Voluntários de Penacova, dos Grupos Folclóricos de Penacova e do
Grupo Solidariedade Social, Desportivo, Cultural e Recreativo de Miro.