CHELO mostrou os seus Saberes e Sabores

0
3
Este ano, ou seja nos dias 17 e 18 deste mês
de Setembro/2016, a 4.ª Mostra de Saberes & Sabores não foi realizada pelo
grupo de mulheres habitual, mas sim pela União Popular e Cultural / Rancho As
Paliteiras, embora esse grupo se predispôs a colaborar.
Assim, no
sábado, com a presença dos autarcas municipais – Dr. Humberto Oliveira e Dr.
João Azadinho – e do presidente da Junta, Rui Batista, a feira abriu com a
realização de Torneio de Sueca e Jogos Tradicionais, verificando-se também a
presença das Concertinas do Caneiro, baile com o duo Vítor & Gaby e o DJ X.
Mas antes, pelas 17 horas, houve baile à moda antiga, com o Rancho Folclórico
As Paliteiras. E a festa terminou já para além das 20 horas.
No
domingo, pelas 9 horas iniciou-se a Caminhada por Trilhos da Freguesia, tendo
como itinerário o centro histórico de Lorvão, bem como os Trilhos das Azenhas,
num percurso de 12 quilómetros e na qual participaram 30 cami­nhantes. Depois,
para colmatar o esforço desenvolvido, nada melhor do que um bom banho, seguido
de um almoço, no Jardim de Chelo, no qual participou um bom grupo para apreciar
uma sopa daquela que faz o peito cheio e demais iguarias.
António
Ralha – um engenheiro que faz…
António
Ralha, agora reformado, foi um engenheiro da EDP. É o principal timoneiro da
União Popular Cultural de Chelo, fundada em 9 de Maio de 1980. Tendo sido o seu
primeiro presidente de direcção, outras presidências se seguiram, embora jamais
deixasse de pertencer aos corpos sociais. Actualmente é líder de uma equipa que
não olha para trás em termos de fazer de Chelo uma comunidade viva. Basta olhar
para o património, quer o edificado, quer as vertentes em que a União se
envolveu e envolve ainda, como o desporto, a cultura, a recriação, o teatro
etc., para ver quanto este homem… da electricidade, tem feito pela sua terra.
Este ano, a “sua” União pôs ombros a esta iniciativa, quando as mulheres disseram
que esta ano não, mas que colaborariam, como aliás aconteceu. E lá o vimos na
primeira linha… como tesoureiro.
O Museu
do Rancho
No centro
da povoação, na sede do Rancho Folclórico As Paliteiras, vai ressurgir um museu
reorganizado e requalificado. É um espólio muito rico, que ali está patenteado,
onde a parte da indústria dos palitos está ali bem vincada e tudo o mais que
tinha a ver com a lavoura e outros serviços tradicionais.
Segundo
Manuel Ferreira, um dos responsáveis do Rancho, pediu já ajuda ao pelouro da
Cultura da Câmara Municipal de Penacova para fazer essa reorganização, o que
irá acontecer em breve, depois do edifício ter também sido motivo de
conservação.
Será
assim, também mais uma valia para o engrandecimento de Chelo, da Freguesia de
Lorvão e do concelho de Penacova e porque não do país?
Nova
iniciativa da União: Gala dos Talentos de Chelo
Também organizado pela União Popular e
Cultural de Chelo, outra iniciativa está já aprazada para o dia 15 de Outubro,
no Centro Cultural de Penacova, pelas 22 horas. Trata-se da Gala dos Talentos
de Chelo.

José Travassos de Vasconcelos – A Comarca de Arganil