CORAL DIVO CANTO organiza o seu XII Encontro de Coros

0
6


Realiza-se já amanhã, dia 5 de novembro, o 12º Encontro de Coros de Penacova.

Para além do grupo anfitrião, o Coral Divo
Canto, vão passar pelo palco do Centro Cultural de Penacova mais dois
excelentes grupos corais: o Coral Stella Maris, de Famalicão (Anadia), composto
por cerca de 26 vozes femininas, mães de alunos do Colégio de Nossa Senhora da
Assunção, de Famalicão e que é dirigido pelo maestro Celestino Ortet e o Coral
Polifónica FOLLAS NOVAS, da cidade A Coruña, Espanha.
Segundo o seu site, Coral Polifónica FOLLAS NOVAS“,
foi fundada no ano 1944 centrando a sua actividade no campo da polifonia, tanto
regional como hispânica e estrangeira, assim como no da música 
religiosa, madrigalista e cénica.
Foi buscar o seu nome à obra literária da
poetisa galega Rosália de Castro, facto que, com o decorrer do tempo, veio a
marcar de forma importante a sua actividade no campo da polifonia Galega, sendo
o seu repertório, em grande parte, constituído por obras de diferentes
compositores baseadas nos poemas rosalianos. Nos seus concertos integram muitas
vezes obras que estavam inéditas, recuperadas após um trabalho de investigação
no campo da música coral  de todas as épocas.
Coral FOLLAS NOVAS
A seu cargo estiveram as estreias da Cantata
“Nova Galícia” de Rogelio Groba e Groba; as “Seis canções
gallegas” de Eduardo Rodríguez Losada e “Missa Galega” de
Rogelio Leonardo de Bouza. Recentemente lançou o “Hino a Maria
Pita” de Pascual Saavedra, que estava inédito no arquivo de música da
Catedral de Mondoñedo.
No seu currículo, o Coral
Polifónica “FOLLAS NOVAS” conta com 16 discos publicados, em
formato vinil, VHS e CD, bem como em DVD’s, além de algumas gravações
partilhadas com outros coros, tendo atuado 
repetidas
vezes nas televisões de Portugal, Espanha e Galicia, e atuado em concertos por
numerosas cidades de França, Portugal e Espanha.
O Coral Polifónica “Follas Novas” é
actualmente composto por 50 vozes mistas, sob a direcção do Mestre D. Fernando
Vázquez Arias, e da subdireção de Dª Anna Mirzoyan Mirzoyan.
O Coral Divo Canto, organizador e anfitrião deste 12º Encontro de Coros, foi fundado
em 2003 e, segundo o Prof. David Almeida no seu Blog
“PenacovaOnline2”, tem vindo a revelar um crescendo de qualidade,
afirmando-se como digno “embaixador cultural” de Penacova nos mais variados
palcos nacionais e internacionais, apresentando um repertório bastante
diversificado: composições clássicas, contemporâneas, tradicionais portuguesas,
sacras e profanas.
O Coral Divo Canto tem feito um importante
trabalho de sensibilização das pessoas do concelho de Penacova para a música
coral, realizando frequentemente concertos nas diferentes freguesias. Organiza
anualmente o Concerto do seu Aniversário, o Encontro de Coros de Penacova e um
Concerto de Natal para os quais convida coros nacionais e estrangeiros,
constituindo-se em 2015 como Associação Cultural.
O grupo integra cerca de 40 vozes mistas é
actualmente dirigido pelo Maestro Pedro André Rodrigues.