CERTAME – ExpoAlva mostra dinâmica económica do território

0
2
A edição número cinco da
ExpoAlva abriu ontem portas para mostrar, durante quatro dias, «a vitalidade e pujança económica» da
União de Freguesias de S. Pedro de Alva e S. Paio do Mondego (Penacova). O certame reúne
no mesmo espaço actividades como comércio, indústria, serviços, gastronomia e
artesanato, não esquecendo a vertente da animação, potenciando, desta forma, «as relações comerciais e as oportunidades
de negócio
» das várias empresas, frisou Vítor Cordeiro.

Para o presidente da União
de Freguesias de S. Pedro de Alva e S. Paio do Mondego a ExpoAlva «fomenta e incentiva a economia local»,
bem como «estimula o empreendedorismo».
Aliás, ainda de acordo com o autarca, a estratégia da Junta de Freguesia passa
por «apoiar o tecido empresarial»
numa perspectiva de «desenvolvimento do
território
».

«A ExpoAlva tem vindo a tornar-se num dos mais importantes certames de
actividade económica e de manifestação cultural da região
», adiantou, na
inauguração, Vítor Cordeiro. E para sustentar a sua afirmação, o autarca frisou
que os «expositores, ao longo das várias
edições, têm vindo a entender o alcance da ExpoAlva
», e isso reflecte-se
nos 52 stands presentes na tenda com mil metros quadrados, que não contabiliza
actividades como o comércio automóvel, as máquinas agrícolas e de jardinagem,
que se encontram no espaço ao ar livre.

Humberto Oliveira,
presidente da Câmara de Penacova, considerou a ExpoAlva «como um espaço que valoriza o território» e um evento que já «extravasa os limites da freguesia». Já
Veiga Simão, vice-presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento
Regional do Centro (CCDRC) mostrou-se «siderado
com a pujança da feira
», confessando não «estar à espera de encontrar uma feira que transcende» o que tem
visto na região Centro.

Na vertente musical, ontem,
dia da inauguração do certame, subiram ao palco os HiFi e o DJ Rio Tomé (DJ
oficial do Licor Beirão), terminando a noite ao som do DJ residente Phill K..
Hoje, a vertente musical começa com ABBA Mia, de tributo aos ABBA, seguindo-se
DJ Diego Miranda e o DJ Nuka.

Amanhã, é dia do popular
cantor Toy, com a sua banda, além do DJ residente e do espectáculo dos DJs No
Maka. Para terminar o certame, no domingo, a partir das 22h00, sobem ao palco
os Função Públika que, de acordo com Vítor Cordeiro, «são considerados um dos melhores grupos de baile do país».

Ricardo Busano – Diário de Coimbra