ANIVERSÁRIO – Bombeiros de Penacova com pedalada aos 87 anos

0
2
Quis
o destino que o aniversário da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários
de Penacova coincidisse com uma prova de ciclismo. Quis o destino que, na
última semana preparatória dos festejos, o corpo operacional tenha ficado em
“casa”, longe de acontecimentos trágicos. Quis o destino que os bombeiros
penacovenses não regateassem esforços para mostrar pedalada num dia intenso, em
que as palavras elogiosas e de agradecimento, ajudaram a “apagar”, por algumas
horas, amarguras vividas ao longo dos últimos 365 dias.
Os
abraços calorosos e os beijos de gratidão traduziram na perfeição o enorme
regozijo do corpo de bombeiros fazer parte desta enorme família. As cerimónias
contemplaram os bombeiros dos quadros já falecidos através do “toque de mortos”
pela Fanfarra dos Bombeiros de Penacova, que contou com várias individualidades
que fizeram questão de marcar presença, assim como foi prestado juramento dos
novos elementos que passaram a integrar o contingente.
A
bênção de três equipamentos pelo pároco Fernando Pascoal produziu um efeito de
júbilo, para a corporação a usufruir no desempenho da sua missão. Trata-se de
uma viatura ABTV, com o nome “vice-presidente António Soares” em homenagem aos
anos que serviu nos órgãos sociais e pelo contributo que tem dado à causa do
associativismo; uma VAME, “Junta de Freguesia de Penacova”, pelo apoio para a
sua transformação; e uma moto de água oferecida pelo médico Mário Jorge Freire
Santos. Foram condecorados 16 bombeiros, destacando-se o Crachá de Ouro
atribuído a Vasco Viseu (2.º comandante), António Simões (chefe) e Fernando
Martins (sub-chefe). Os restantes receberam medalhas de Dedicação pelos 25 anos
(três), Grau Ouro pelos 20 e 15 anos (cinco) e Grau Cobre pelos 5 anos (cinco).
O
comandante dos Bombeiros de Penacova disse aos novos elementos que passaram «a ter uma grande responsabilidade perante o
mundo
», mas aludiu que «somos
voluntários com espírito e disciplina para responder cabalmente, de noite e de
dia, à comunidade
».
António
Simões fez a revista aos incêndios que assolaram a região Centro, sem deixar de
agradecer «aos bombeiros de Brasfemes e
Poiares por assegurar a segurança na prova de ciclismo para que possamos estar
aqui hoje descansados
».
Por
seu turno, Carlos Luís Tavares, comandante Operacional Distrital de Coimbra,
felicitou os bombeiros de Penacova pelo aniversário, mas não esqueceu o país
que «viveu um momento de luto e de
grande dor com os recentes incêndios, agradecendo a um vasto conjunto de
pessoas pelo empenho em combater este inimigo incêndio que pintou de preto o
mapa do nosso país
»

Carlos Sousa – Diário de Coimbra