DECO – Antes de viajar, que cuidados devo ter para proteger a minha saúde?

0
2

Chegaram
as férias e a vontade de viajar aumenta. No entanto, devemos planear
antecipadamente a viagem e não esquecer de um fator muito importante: a Saúde!

Antes de viajar, dirija-se,
antecipadamente, ao serviço de Segurança Social onde está inscrito ou à Loja do
Cidadão e solicite o seu Cartão Europeu de Seguro de Doença (CESD), gratuito e
válido nos 28 países da União Europeia, Islândia, Liechtenstein, Noruega e
Suíça. O documento é válido por 3 anos e garante assistência médica em caso de
acidente ou de doença. Caso viaje com a sua família será necessário um cartão
para cada elemento. Se viajar para o Reino Unido, basta identificar-se com o
cartão do cidadão.

O
CESD dá acesso aos cuidados médicos nas mesmas condições que os residentes do
país de acolhimento. Porém, este cartão não cobre as despesas se viajar apenas
com o objetivo de obter tratamento médico. Além dos turistas, pode ser usado
por quem residir no estrangeiro temporariamente, como por exemplo os
estudantes.

A assistência não será negada caso não
tenha o cartão, mas poderá ter custos. Deverá guardar todos os comprovativos
das despesas para pedir o reembolso à Segurança Social ou, por exemplo, à ADSE,
conforme o regime em que esteja inscrito, quando regressar a casa. Se viajar
para fora da União Europeia, confirme junto da embaixada ou do Departamento de
Acordos Internacionais da Segurança Social (driss@seg-social.pt) se existe
algum acordo de proteção na saúde.

Se tomar medicamentos sujeitos a receita
médica, leve-a e não exceda as quantidades necessárias para a viagem, pois pode
levantar suspeitas.

Se
viajar para países asiáticos, africanos ou sul-americanos, marque uma consulta
do viajante, ou caso o especialista não esteja disponível, com o médico de
família, com pelo menos um mês de antecedência.
Melanie Magalhães – DECO Centro
Os leitores interessados em obter
esclarecimentos relacionados com o Direito do Consumo, bem como apresentar
eventuais problemas ou situações, podem recorrer à DECO, bastando, para isso,
escreverem para DECO – Gabinete de Apoio ao Consumidor – Rua Padre Estêvão
Cabral, 79-5º, Sala 504-3000-317 Coimbra
.