PENACOVA – Eleitos pelo PSD preocupados com as “miseráveis condições” dos alunos da Escola Beira Agueira

1
3
Em nota de
imprensa enviada à redacção, os vereadores eleitos pelo PSD de Penacova,
comunicam que, em reunião de Câmara ocorrida esta terça-feira, manifestaram, uma
vez mais, junto do executivo municipal “a
sua preocupação pelas condições de degradação social, humana e financeira em
que vivem os alunos da Escola Beira Aguieira (EBA), sobretudo aqueles
provenientes de países de língua oficial portuguesa
.”

Na mesma nota os
vereadores referem que se trata de “uma
preocupação já sublinhada pela segunda reunião consecutiva sem que o executivo municipal
se disponha a enquadrar e definir qual estratégia do Município quanto à Escola
e quanto à subsistência desta
”, denunciando ainda que “há alunos sem luz, há alunos a viver da caridade alheia, há alunos que
passam fome, há alunos sem acesso a água quente, há alunos sem dinheiro para
transporte sequer para ir ao médico
.”

O eleitos pelo
PSD de Penacova, acusam deste modo o executivo liderado por Humberto Oliveira
de se “limitar a atribuir auxílios
avulso, que são pequenos para suprir as dificuldades, sem que a Direção da EBA
se responsabilize, minimamente, pelos estudantes que, ao abrigo de um qualquer
convénio cujo conteúdo se desconhece e que lhe serve de financiamento, coloca
na Escola, em condições de perfeito abandono, cabendo-lhe a responsabilidade e
não compactuar com o comportamento negligente daquele órgão de gestão da escola
profissional.

Apesar de salientarem
a importância da EBA, tando na formação
como do ponto de vista histórico
”, alertam a direção da EBA para a
necessidade “integrar os alunos, prestando-lhes
apoio a todos os níveis e não votá-los a um abandono que a todos os
penacovenses envergonha.


1 COMENTÁRIO