JUSTIÇA – Não pagou em Penacova e foi “apanhado” em Poiares

0
2

A concertação de esforços
entre as patrulhas da GNR de Vila Nova de Poiares e de Penacova permitiu a
detenção de um homem, suspeito do furto de pelo menos duas viaturas. A detenção
verificou-se a meio da tarde de sexta-feira, junto à localidade de Pinheiro,
freguesia e Santo André, concelho de Vila Nova de Poiares.

Em causa está um indivíduo de
36 anos de idade, que em tempos já terá residido na região. Um dado que o terá,
eventualmente, levado a regressar às “origens”, depois de ter decidido não se
apresentar no Estabelecimento Prisional de Pinheiro da Cruz, onde cumpria pena
de prisão, segundo apurámos, igualmente por furto.

De acordo com fonte do comando
do Destacamento de Coimbra da GNR, o detido teria que se apresentar na cadeia
da zona de Grândola, depois de ter beneficiado de uma saída devidamente
autorizada (saída precária), no passado dia 26 de Fevereiro, o que não
aconteceu.

Quatro dias depois, na quinta-feira,
o homem “dá sinais de vida”, ao furtar uma viatura ligeira, em Coimbra,
situação devidamente participada às autoridades policiais. No dia imediatamente
a seguir, ao volante desta viatura furtada, o suspeito deslocou-se rumo ao
concelho de Penela, onde abandonou o veículo, “trocando-o” por outro, o que
significa que, em Penela, furtou nova viatura, também ligeira, cujo
proprietário também participou a situação à GNR.

Ao volante do segundo veículo,
furtado no espaço de dois dias, o detido de Pinheiro da Cruz seguiu viagem rumo
a Penacova e foi aqui que se deu o “click” que permitiu a sua detenção.

Com efeito, segundo informação
do Destacamento de Coimbra da GNR, o suspeito abasteceu num posto de
combustível e foi-se embora sem proceder ao necessário pagamento. Uma situação
que motivou o imediato alerta, por parte do funcionário das bombas, para as
autoridades policiais.

Em sintonia, as patrulhas mais
próximas, de Penacova e de Vila Nova de Poiares, concelhos que fazem fronteira,
puseram-se no encalço do assaltante. Uma «operação rodoviária» que culminou por
volta das 16h30, com o suspeito a ser interceptado e detido pelas patrulhas da
GNR, em Pinheiro.

Entregue ao Estabelecimento
Prisional de Pinheiro da Cruz, onde cumpria pena, o assaltante vai, agora,
responder por novos crimes, de furto de veículos e de combustível.
Manuela
Ventura
– Diário de Coimbra