IP3 – Comissão de Utentes e Sobreviventes reforça recolha de assinaturas durante a Páscoa

0
5
Apesar de já ter assinaturas
em número suficiente, para
obrigar” à
discussão em plenário na Assembleia da República, sobre o estado calamitoso do
IP3, os responsáveis pela Comissão de Utentes e Sobreviventes desta importante
via continuam a recolher assinaturas contando ultrapassar brevemente as
5000.
Com o notável aumento
do número de assinaturas e de contactos, os poromotores da petição, querem demonstrar
o profundo empenho das pessoas da região e do país para esta causa que se
prende com a melhoria e alargamento do IP3, uma via que pretendem sem portagens,
com o intuito de verem reforçada a segurança, a acessibilidade e o seu desenvolvimento.
Para chamar à atenção
do Governo e dos utentes para a urgência destas obras, os responsáveis pela comissão vão reforçar as ações de recolha de assinaturas, aproveitando a
grande deslocação de pessoas na quadra festiva da Páscoa.
Desse modo já têm
agendadas para este mês março várias ações de recolha de assinaturas. Assim, no
dia 24, vão estar em Penacova, na Feira
de
São Pedro de Alva, no dia 25 na
Feira da Espinheira e nos dias 29 e
30 junto ao Bar 21, em pleno IP3. No
dia 30 de março e 2 de abril, os responsáveis da comissão vão optar pelo concelho
de Mortágua, onde irão recolher as
assinaturas dos utentes do IP3, junto às bombas de gasolina da Aguieira, no
sentido Viseu | Coimbra.
Ainda no mês de abril,
está prevista uma iniciativa com o objetivo de apelar à segurança e à defesa da
vida no IP3.
Recorda-se que a petição on line pela “Melhoria e Alargamento do IP3, pela Segurança,
Acessibilidade e Desenvolvimento”
, lançada no passado mês de fevereiro, já conta
com 1415 assinaturas e ainda pode ser subscrita em
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT88249.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui