BASQUETEBOL – CAD/Chelo desperdiça a oportunidade de vencer em Vagos

0
1

Em partida a contar para a
quinta jornada da Liga Feminina de Basquetebol, o CAD Coimbra/Chelo visitou o
Vagos, um dos históricos da modalidade.

Uma entrada concentrada no
primeiro quarto, deu vantagem às cadistas. No entanto, a falta de eficácia de
Leidy Ferreira e Oyanaisy Gelis em zonas perto do cesto permitiu às da casa
passar para a liderança no marcador a meio do quarto. Nesta fase, apenas Cíntia
França encontrava o caminho para o cesto.

O segundo quarto foi pautado
por um grande equilíbrio entre as duas equipas. O CAD melhorou a sua prestação
ofensiva, devido a uma maior agressividade nas suas ações de ataque e só não
conseguiu liderar novamente o marcador por uma incrível ineficácia da linha de
lance livre. Ao intervalo, o resultado cifrava-se em 30-25.

No terceiro quarto, o Vagos
abre uma vantagem de dez pontos, devido, essencialmente, a uma série de maus passes
no ataque e a um constante mau aproveitamento da linha de lance livre por parte
do CAD. Valeu, na parte final do quarto, a inspiração de Reem Moussa, até aí
desaparecida do jogo, que concretiza 6 pontos consecutivos e deixa a sua equipa
a 7 pontos do opositor (48-41).

No último e decisivo quarto, o
CAD Coimbra/Chelo entra melhor, altera a defesa hxh para zona e aproxima-se a
apenas 3 pontos de distância, na sequência de um parcial de 0-4. O Vagos
demonstrava desacerto no ataque, e só a desatenção defensiva das cadistas
permitiu às da casa marcar pontos após ressalto ofensivo. A desconcentrarão
defensiva de Leidy Ferreira na defesa à poste adversária, permitiu a Susana
Carvalheira marcar 5 pontos consecutivos e comprometer de vez as aspirações da
equipa laranja. A quinta falta da poste cadista veio tornar tudo ainda mais
difícil, e apenas Cíntia França, com nove pontos marcados neste quarto, conseguiu
remar contra a maré.

O resultado final de 67-54,
favorável ao Vagos, deve-se sobretudo à falta de eficácia nas zonas próximas do
cesto das jogadoras mais influentes do CAD e ao desacerto total da linha de
lance livre (13/24).

Na equipa do Vagos, destaque
individual para a MVP da partida, Susana Carvalheira (20 pontos; 16 ressaltos;
4 assistências; 4 desarmes de lançamento). No CAD, realce para a grande
exibição de Cíntia França (20 pontos; 6 ressaltos; 1 assistência; 1 roubo de
bola).