EMPRESAS – Município de Penacova distingue Empresas +

0
11

Homenagear as empresas que ao longo do ano de 2017,
contribuíram de forma significativa com o seu trabalho e estratégia de gestão
para o desenvolvimento económico do concelho de Penacova. É com este objetivo,
bem como o de destacar o aumento da criação de emprego naquele território, que
o Município de Penacova promove a segunda edição do Jantar/Conferência Empresas
+.

A iniciativa realiza-se hoje, a partir das 19H30, e terá
como pano de fundo o Restaurante Leitão do Aires, na Espinheira.

Incentivar e estimular estas e outras empresas do concelho
na sua expansão territorial e, nomeadamente, na sua internacionalização é outro
dos propósitos da iniciativa, que vai reunir alguns dos principais agentes da
economia local.

O
marketing e a internacionalização

Pedro Coimbra, presidente da Assembleia Municipal de
Penacova, Conceição Carvalho, secretária técnica UO1|Conhecimento, Inovação e
Competitividade (em representação da CCDRC), João Ataíde, presidente do
Conselho Intermunicipal da CIM-RC, e Humberto Oliveira, presidente da Câmara
Municipal da Penacova, serão os intervenientes da abertura do encontro,
seguindo uma conferência subordinada ao tema “A importância do marketing na internacionalização das empresas
.

A
comunicação estará a cargo de Diogo Barbosa de Melo, CEO da Bright Creative
Group, grupo dedicado à estratégia e aplicação de Marketing em personalidades e
empresas. Distinguido, como Empreendedor do Ano pela Universidade de Coimbra,
instituição em que se licenciou em Economia, é senador da mesma e membro da
direção da Associação de Jovens Empresários PortugalChina.

A conferência culminará com um debate em que todos os
presentes são convidados a participar.


Entrevista com Humberto Oliveira, presidente da Câmara de
Penacova


Em que
consistirá esta cerimónia dirigida às empresas?

A ação teve a sua primeira edição no ano passado. Esta será
a 2.ª edição, realizada com objetivo de valorizar simbolicamente o trabalho das
empresas e dos empresários de Penacova. Todos conhecemos as dificuldades que
tem de ultrapassar e, também por isso, merecem ser reconhecidas e
impulsionadas.

Quais
são essas dificuldades?

Hoje, e cada vez mais, as empresas confrontam-se com um
conjunto complexo de desafios. Nos territórios de baixa densidade as estruturas
e as condições de instalação das empresas têm limitações. Para além disso no
caso concreto de Penacova, a própria morfologia do território não facilita.
Todavia, temos no nosso ADN transformar as dificuldades em oportunidades e em
sucessos. Nestas regiões temos ainda como condicionantes a distância aos
centros de decisão e neste momento no défice na oferta de mão-de-obra
qualificada. No entanto somos servidos por boas vias de comunicação,
nomeadamente a principal via de acesso rodoviário da região a Espanha, o IP3,
que está para ser requalificada. Temos ainda em desenvolvimento o projeto de
ampliação do Parque Empresarial da Alagoa e um projeto de criação de mais uma
área de localização empresarial, na zona do Lavradio. Até ao final deste
mandato, gostava que estes novos parques empresariais, ou pelo menos um deles,
já estivessem em construção.

Como
tem sido a evolução do tecido empresarial no concelho?

Claramente positiva. Os dados que temos revelam que nos
critérios que foram avaliados – volume de negócios, resultados líquidos, exportações
e criação de postos de trabalho – a evolução tem sido muito boa. Traduz o
mérito dos nossos empresários e da sua capacidade de gestão e, modéstia à
parte, o papel de acompanhamento e impulsionador assumido pela Câmara
Municipal.

Como
se traduz esse papel em ações concretas?

Temos procurado ser parceiros atentos. Essencialmente,
acompanhando as necessidades e preocupações das empresas, dando apoio nos seus
projetos e estratégias de crescimento. Temos um pacote de incentivos fiscais às
empresas que se instalam no concelho, nomeadamente com reduções ou mesmo
isenções de taxas consoante os postos de trabalho criados. E queremos
sedimentar e aprofundar estas relações de proximidade.

Vale a pena ser empresário em Penacova?

Claro que vale a pena! Temos algumas empresas de referência
em todo o país, bem como empresas com valores muito relevantes ao nível das
exportações e que contribuem em muito para a economia nacional. Estamos muito
orgulhosos dos empresários de Penacova e todos queremos trazer outros, e ajudar
os que já existem a consolidar as suas empresas.

Bernardo
Neto Parra
– Diário As Beiras
Entrega
dos galardões às empresas agraciadas:

10 +

Águas das Caldas de Penacova, SA
Transportes Marginal do Mondego, SA
JTSL – Soluções Técnicas Manutenção Metalomecânica, SA
Fernandes & Henriques, Lda
Veiga Lopes, SA
Simetraxial – Metalomecânica, SA
Macop – Materiais de Construção, SA
Ferroalva – Ferragens e Materiais de Construção do Alva,
Lda
Transportes Rodoviários de Mercadorias da Aguieira, SA
R2P – Reciclagem e Peças, SA

PME
Líder

Cortitrans – Sociedade de Madeiras e Transportes Lda
Fapilor – Fábrica Paliteira de Lorvão, Lda
Fozvias, Unipessoal Lda
Macop – Materiais de Construção, SA
Penatir – Transportes, Lda
Silveirinho – Madeiras e Automóveis, Lda
Transportes Simões & Rodrigues, Lda
Aguas das Caldas de Penacova, SA

PME
Excelência

Aguas das Caldas de Penacova, SA
Penatir – Transportes,
Lda

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui