FUTEBOL – O União FC venceu ontem (3-1) na receção ao Penelense.

0
3


Na 1.ª parte, as duas equipas mostraram-se algo
“adormecidas”, embora com os locais a revelarem algum ascendente, o que
permitiu inaugurar o marcador aos 20’, com Curica a converter um penálti, a
castigar derrube de JP a Silva. Reação pronta do Penelense, que conseguiu
criar, aos 30 e 35’, mas sem a desejada finalização. Ao contrário, e mesmo em
cima do intervalo, o União FC aumentou a vantagem no marcador: jogada conduzida
por Curica, corte da defesa contrária, mas com Luís Rodrigues a aproveitar e a
fazer o 2-0.

A 2.ª parte trouxe duas equipas “mais abertas”, ambas determinadas na procura do golo. Todavia, só
aos 80’ o resultado voltou a sofrer alteração, com Cédric a finalizar, após
jogada da autoria de André, numa altura em que o Penelense estava já reduzido a
10 elementos, devido a expulsão de Rui (70’).

No período de compensação atribuído pelo árbitro, a
equipa comandada por Jorge Duarte apontou o “golo de honra”, com Pato a
finalizar uma jogada de contra-ataque (94’+).

Diário as Beiras