EBA Projeta(-Te) na Europa: Alunos e Staff da Escola Profissional Beira Aguieira realizam estágios no estrangeiro, ao abrigo do Programa Erasmus+

0
2

A Escola Profissional Beira Aguieira investe, de forma
persistente, em Projetos transnacionais, estabelecendo redes de parcerias com
diversas entidades de países da União Europeia, com o objetivo de imprimir um
caráter diferenciador à Educação e Formação de jovens, valorizando o Projeto
Educativo e procurando, em simultâneo, contribuir para dar um valor
acrescentado ao tecido social e empresarial ao nível regional e (inter)
nacional.

A EBA é certificada no âmbito da implementação de Projetos
Erasmus+, sendo detentora da Vet Charter Mobility, desde 2015. Durante este ano
letivo foram realizadas 50 mobilidades de alunos, cinco mobilidades de pessoal
não docente e oito mobilidades de professores, ao abrigo dos Projetos “EBA em Rede- Ação na Europa” e “EBA- Projeta –te na Europa”.

Através destes Projetos a Escola tem proporcionado a
oportunidade aos jovens para realizarem estágios curriculares no estrangeiro,
com todos os custos financiados pelo programa e pela escola.

Os jovens selecionados frequentam os cursos Técnico de
Restaurante – Bar, Técnico de Cozinha- Pastelaria, Técnico de Turismo, Técnico
de Saúde, Técnico de Gestão do Ambiente e Técnico de Gestão e Programação de
Sistemas Informáticos. Os alunos realizaram estágios, durante 6 semanas, em
empresas relacionadas com as áreas de formação em países da Europa, mais
concretamente, em Espanha (Sevilha), Inglaterra (Londres), Itália (Florença) e
Malta.

Através dos projetos referidos, os quais envolvem a
participação ativa da Comunidade Escolar e de todas as entidades envolvidas,
procura-se contribuir para o desenvolvimento global dos jovens, alargando as
competências aos níveis profissional, intercultural e linguístico, facilitando
a inserção no mundo profissional e a realização pessoal.

O Staff realizou a mobilidade nos mesmos países, durante 14
dias, no caso dos professores e uma semana, no caso do pessoal não docente, os
quais adquiriram habilidades práticas relevantes para o desempenho das suas
funções atuais e para o desenvolvimento profissional, que melhorou os seus
conhecimentos e competências relativamente à sua área profissional, para além
de outras.

Mediante a transferência de saberes e a partilha de boas
práticas, todos as entidades que participam usufruem das mais-valias
resultantes deste tipo de iniciativas, as quais procuram, em todos os momentos,
através da divulgação e disseminação dos resultados, corresponder aos
interesses da região e, numa perspetiva mais alargada, dos países da Europa
envolvidos.

Enquanto ainda decorre um dos projetos, a EBA viu aprovada
outra candidatura ao mesmo Programa, com o Projeto intitulado EBA- Projeta-Te
na Europa II, com o intento de continuar a desenvolver e a reforçar a Dimensão
Europeia no Projeto Educativo, com todos os benefícios que lhe são inerentes.