ALIMENTAÇÃO – Região de Coimbra lidera projeto europeu para produção e consumo sustentáveis

0
3


As diferentes regiões de Portugal, Grécia, Estónia,
Hungria, Roménia, Espanha, Itália e Eslovénia que integram o projeto Rurban
Food pretendem “incentivar a
criação de uma rede de cidades comprometidas com a elaboração de planos
alimentares que se estendam das áreas urbanas e periféricas por um corredor que
facilite uma ligação urbano-rural
“.

Essa
abordagem vai aumentar a criação de ambientes de produção e de consumo assentes
numa base de sustentabilidade económica, social e ambiental
“, refere a
CIM da Região de Coimbra em comunicado.

O projeto vai avançar na sequência da aprovação de uma
candidatura ao programa europeu URBACT III, ao qual foram apresentadas 62
propostas que envolveram 525 parceiros de 29 países.

A primeira fase do Rurban Food, com a duração de seis
meses, arranca em meados de setembro.

Programa de intercâmbio e aprendizagem que promove o
desenvolvimento urbano sustentável, o URBACT reúne 550 cidades, 30 países e
7.000 interessados locais ativos e 
é financiado conjuntamente pela União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), e pelos estados-membros.


Reunido em Alba Iulia, na Roménia, na terça-feira, o
Comité de Acompanhamento do URBACT aprovou um total de 23 redes de planeamento
de ação, incluindo a proposta portuguesa.