SENSIBILIZAÇÃO – Compromisso contra o cancro da pele mobiliza crianças na Região Centro

0
5

Campanha “Verão com Prevenção” na região centro voltou a colocar o cancro da pele no centro das atenções.  Alertar para o risco da exposição desprotegida e incorreta foi o principal objetivo da campanha. No balanço da campanha, registam-se: atividades realizadas em 10 praias da região centro e 11 escolas e espaços educativos e lúdicos; cerca de 6 mil crianças abrangidas pelas atividades; a realização de 104 consultas de deteção precoce de lesões cutâneas efetuadas, com 12 encaminhamentos; mais de 13 mil materiais alusivos à prevenção distribuídos.

O Núcleo Regional do Centro da
Liga Portuguesa Contra o cancro (LPCC.NRC) levou a cabo mais uma campanha de
sensibilização para o Cancro da Pele. O “Verão
com Prevenção
”, campanha destinada a crianças entre os 6 e os 12 anos de
idade, decorreu na região centro de 25 de junho a 10 de agosto. A campanha teve
como objetivos d
iminuir a exposição aos fatores de risco para o cancro da pele e
promover a adoção de comportamentos mais saudáveis e benéficos; assim como
aumentar a consciencialização da comunidade em geral para a atuação da Liga
Portuguesa Contra o Cancro no âmbito da promoção da saúde e prevenção do
cancro.
Recorde-se que a incidência do
cancro de pele está a aumentar, aspeto que tem uma causa comportamental. As
estimativas indicam que, por ano, surgem cerca de 13.000 novos casos de cancro
da pele em Portugal, mil dos quais, melanomas, ocorrendo 250 mortos anualmente
.
O conjunto de ações no âmbito da
campanha “Verão com Prevenção
realizou-se, como habitualmente, em praias fluviais e oceânicas da região
centro. Uma dezena de praias foram visitadas pelos Grupos de Voluntariado
Comunitário, profissionais de saúde e técnicos, onde várias dinâmicas foram
desenvolvidas, como o:  j
ogo da glória Heróis do Sol Saudável;
atividade Conhecer para Prevenir – com perguntas dirigidas às crianças sobre
comportamentos e fatores de risco para o cancro da pele; a atividade Prevenir a
Brincar: aprender a regra da sombra; distribuição de cadernos Heróis do Sol
Saudável, fitas de pulso, folhetos, chapéus e t-shirts; consultas de deteção
precoce de lesões cutâneas.
Pela primeira vez, o projeto
integrou atividades em jardins de infância, escolas e atividades de tempo
livre, alertando crianças e, através destas, professores e educadores para os
perigos da exposição solar. Mais de uma dezena de instituições de educação e
ensino foram integradas, neste âmbito, abrangendo os distritos de Aveiro,
Coimbra e Guarda.
No balanço da campanha “Verão com Prevenção”- 2019 salientamos
o envolvimento e participação de 10 Grupos de Voluntariado Comunitário, de 1
Agrupamento de Escuteiros, a presença em 11 instituições, a colaboração de 10
Câmaras Municipais, 1 Junta de Freguesias, 2 Capitanias, a distribuição de 2500
t-shirts de tecido denso e cor escura, com mensagem alusiva à prevenção solar,
a distribuição de 500 chapéus de abas, de cerca de 3000 folhetos sobre
prevenção solar; 3000 fitas de pulso com mensagens alusivas à temática; 4000
cadernos Heróis do Sol Saudável, entre outros …
No âmbito das ações
desenvolvidas, foram realizadas 104 consultas de deteção precoce de lesões
cutâneas, com 12 encaminhamentos: 5 casos com suspeita de lesões melanociticas
malignas; 1 caso suspeita de um carcinoma basocelular; cerca de 6 por queratose
actínica / espino celular. Verificaram-se ainda a resolução de outras situações
decorrentes da exposição solar, como são as alergias solares, que não
necessitaram de encaminhamento. As consultas foram realizadas pelo Dr. Joel
Pinto, médico do serviço de dermatologia do Centro Hospitalar Universitário do
Porto, Hospital de Santo António.