DESPORTO NA NATUREZA – Prova de Trail em Penacova antecede a Grande Corrida de novembro

0
5

Mais de duzentas pessoas correram este domingo na quarta
prova “
Rotas Conhecer Penacova”,
promovida conjuntamente pelo Município de Penacova e pelo Centro Trail Carlos
Sá. Esta foi a quarta e derradeira prova do ano com o objetivo de dar a
conhecer quatro rotas do território Penacovense. Para o dia 10 de novembro, são
esperadas centenas de pessoas na prova competitiva de trail running inserida na
Feira do Mel e do Campo. As inscrições já abriram e assegurada está a presença
de atletas de diversas nacionalidades, como França, Holanda, Inglaterra, EUA,
Brasil, Espanha, Luxemburgo, para além de Portugal. 


As provas nestes percursos preparatórios tiveram início em
março deste ano, com a Rota da Lampreia, que começou no Penedo da Carvoeira e
terminou nos Moinhos da Atalhada, seguindo-se em junho a Rota dos Moinhos, com
ponto de partida no Penedo de Castro e de chegada na Fonte Histórica de Lorvão,
passando pelos Moinhos de Gavinhos e pelos Fornos da Cal. Em setembro a Rota
das Praias teve arranque na Praia fluvial do Reconquinho, terminando na do
Vimieiro. A prova que teve lugar este domingo, designada Rota dos Ribeiros,
percorreu o Mosteiro de Lorvão, Ribeira de Valbom e Ribeira dos Arcos, com
cerca de 20 kms de corrida ou, em alternativa, 15 kms de caminhada. No total
das quatro provas, 1200 pessoas participaram na iniciativa de desporto na
natureza, promovida pelo Município de Penacova.

De acordo com Humberto Oliveira, presidente do município
penacovense, “estes eventos proporcionam
uma divulgação do território, dado que as pessoas vão passando pelos diversos
locais, ao mesmo tempo que fomentam o nosso posicionamento enquanto concelho
voltado para o desporto na natureza e promotor de uma vida saudável
”.

O intuito das quatro provas é também o de uma preparação para
o grande evento desportivo de 10 de novembro que, tal como no ano passado,
estará inserido na programação da Feira do Mel e do Campo. Os atletas poderão
optar por quatro níveis de dificuldade, desde a caminhada de 12 kms à maratona
de 42 kms. De acordo com Carlos Sá, “esta prova que terá lugar em novembro é
certificada pela Associação de Trail Running Portugal e pela ITRA, organismo
internacional, bem como pelo UTMB – Ultra Trail Mont Blanc.

Como sublinha Humberto Oliveira, “ambicionamos, não só em Penacova como na Região, dinamizar o trail e
transformá-lo num espaço de eleição para esta modalidade. Fruto do trabalho de
anos, Penacova está na linha da frente, tem um conjunto de trilhos marcados, e
isso proporciona que os atletas possam autonomamente treinar no nosso
território
”. Carlos Sá acrescenta que “outra
grande mais-valia da criação do Centro de Trail em Penacova é que hoje há
muitos habitantes do próprio concelho a praticar este desporto, e antes isso
não se verificava
”. E deixa um exemplo entre os praticantes: “o próprio presidente Humberto Oliveira é a
prova disso!”