MAU TEMPO: Proteção Civil alerta para cheias e quedas de árvores nas próximas 48 horas

0
3

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil
alertou para a possibilidade de lençóis de água e de gelo nas estradas, cheias
rápidas e queda de árvores, devido ao mau tempo nas próximas 48 horas em
Portugal continental.

Em comunicado, a Autoridade Nacional de Emergência e
Proteção Civil (ANEPC) avisa que, face ao mau tempo, o piso rodoviário pode
tornar-se escorregadio, formando lençóis de água e gelo e que até à madrugada
de sexta-feira, poderá haver cheias rápidas nos centros urbanos, por acumulação
de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem.

A ANEPC aleta ainda para a possibilidade de danos em
estruturas, dificuldades de drenagem, quedas de ramos e árvores por causa do
vento forte.

Para o eventual impacto das condições atmosféricas
adversas, a Proteção Civil apresenta algumas medidas preventivas a adotar pela
população.

Na nota, a ANEPC informa que os cidadãos devem adotar uma
condução defensiva, com especial atenção para a acumulação de neve e formação
de água nas vias, alertando que os sistemas de escoamento das águas pluviais
devem ser desobstruídos
.

A ANEPC acrescenta que devem ser colocadas correntes de
neve em viaturas, ter atenção às zonas arborizadas, às zonas costeiras e não
praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva,
desportos náuticos e passeios à beira-mar.

Seis distritos estão sob aviso vermelho desde as 12:00 de
hoje e até à madrugada de sexta-feira devido à previsão de agitação marítima
forte, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o IPMA, os distritos do Porto, Viana do
Castelo, Leiria, Aveiro, Coimbra e Braga vão estar sob aviso vermelho,
prevendo-se ondas de noroeste com sete a oito metros, podendo atingir até 15
metros de altura máxima.