FESTIVAL DA LAMPREIA – Restaurantes de Penacova esperam milhares de apreciadores da iguaria

0
6
Desde que cada exemplar pescado no rio seja bem amanhado e cozinhado, com 24 horas de antecedência, grande parte da qualidade e sabor do arroz de lampreia está garantida, afirmando-se como uma verdadeira especialidade gastronómica.

Cerca de cinco mil doses de lampreia vão ser servidas ao
longo dos três dias do próximo fim de semana, numa dezena de restaurantes do
concelho de Penacova, de 28 de fevereiro a 01 de março.

Embora a época oficial da lampreia já esteja a decorrer
desde janeiro, e se prolongue até abril, é no próximo fim de semana do Festivalda Lampreia que os comensais vão ser recebidos com condições especiais,
beneficiando de um desconto no preço, oferta de doçaria tradicional à sobremesa
e animação musical, a 29 de fevereiro, dia em que decorre o II Encontro de
Gaiteiros do concelho, com a presença dos tocadores à porta dos restaurantes a
receber os visitantes.
Preços em conta durante o festival gastronómico

À mesa, os preços anunciados são de 65 euros pela lampreia
inteira, 35 euros por meia lampreia e 22,5 euros por dose.
São “preços mais baixos” do que os praticados
habitualmente na época da lampreia, referiu o presidente da Câmara Municipal de Penacova, Humberto Oliveira. na apresentação da
iniciativa.
Queremos dar alguma visibilidade à nossa gastronomia e à
lampreia
”, acrescentou o autarca. Na sua opinião, importa defender a
qualidade dos pratos à base de lampreia, ciclóstomo pré-histórico que divide o
seu ciclo de vida entre o mar e os rios, designadamente o Mondego.
Qualidade de confeção é fator crítico

O arroz de lampreia precisa de boa confeção”, caso
contrário “mais vale comer arroz de frango do que lampreia mal feita”,
sublinhou o edil com ironia.
Ao programa do festival, estão associadas outras iniciativas culturais e de entretenimento, com destaque para a Maratona BTT Rota da Lampreia – Taça Regional do Centro, o II Encontro de Gaiteiros de Penacova, as comemorações do Dia Mundial da Proteção Civil e dos 90 anos do corpo de Bombeiros Voluntários de Penacova, que vão preencher todo o fim de
semana.

António Rosado – Diário As Beiras