APIN desinfeta contentores nos 11 concelhos do seu raio de abrangência

0
180

A APIN – Empresa Intermunicipal de Ambiente do Pinhal Interior está a proceder à higienização de mais de 11.155 contentores de recolha de lixo, nos 11 concelhos do seu raio de abrangência, foi hoje anunciado.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a APIN refere que no seguimento da higienização dos equipamentos que se encontram em bom estado, também “renova o parque de contentores para o lixo indiferenciado”, distribuindo um total de 550 novas unidades.

“A operação de lavagem dos equipamentos de depósitos de resíduos visa garantir maior segurança e higiene aos utilizadores, promovendo uma limpeza profunda. Já a distribuição de contentores do lixo novos vai permitir o aumento da capacidade de recolha”, refere a fonte.

Segundo a nota, os equipamentos “estão sujeitos a grande desgaste diário, devido à deposição e armazenamento temporário de resíduos”, o que levou a APIN a realizar o trabalho de desinfeção com maior frequência.

O processo de limpeza é assegurado por uma viatura “lava-contentores”, que remove interna e externamente os resíduos e os odores, permitindo melhores condições de higiene nas vias públicas onde se localizam.

“Os produtos utilizados são ecológicos, não danificam o material, mas são suficientemente eficazes, de forma a eliminar impurezas, gorduras, bactérias e odores”, garante a APIN.

A operação “é acompanhada por uma equipa especializada que, antes de colocar os contentores na viatura, procede a uma lavagem de alta pressão de água e tem cuidados específicos com a desinfeção de rebordos, tampas e exterior dos equipamentos”.

A limpeza termina com a aplicação de um produto desodorizante e recolocação dos contentores de superfície nas localizações iniciais, com as tampas fechadas, remata.

No seguimento da higienização dos equipamentos que se encontram em bom estado, a APIN também renova o parque de contentores para o lixo indiferenciado, distribuindo um total de 550 novas unidades nos concelhos abrangidos.

Com os novos equipamentos, a empresa intermunicipal aumenta a capacidade de recolha e permite o acondicionamento dos resíduos “de forma mais segura e mais higiénica”.

A APIN lembra “que deixar sacos com lixo no chão, junto aos contentores, provoca efeitos prejudiciais à saúde pública”, e recomenda que não sejam depositados resíduos líquidos nos recipientes “para evitar odores e proliferação de bactérias”.

A Empresa Intermunicipal de Ambiente do Pinhal Interior é constituída por capitais públicos e integra os municípios de Alvaiázere, Ansião, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Góis, Lousã, Pampilhosa da Serra, Pedrógão Grande, Penacova, Penela e Vila Nova de Poiares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui